Salada de Cinema

Notícias, entrevistas, perfis e muito mais de tudo que acontece no mundo do cinema.

Salada de Cinema
Perfis

Rosamund Pike: de mulher-esposa para mulher protagonista

por Eric P. Sukys comentários

Nome completo: Rosamund Mary Elizabeth Pike
Nascimento: 27 de janeiro de 1979, em Londres, Inglaterra.
Três filmes essenciais: “Orgulho e Preconceito” (2005), “Gone Girl” (2014) e “Um Reino Unido” (2016).
Signo: Aquário

Rosamund-Pike-Feet-51898

Desde que estreou no cinema, em “007 – Um Novo Dia Para Morrer” (1998), Rosamund Pike quase sempre esteve sob a sombra masculina. Seja vivendo uma Bond Girl, uma esposa cuidadora do lar em “Orgulho e Preconceito” ou uma madame suntuosa que acompanha um vigarista em “Educação” (2009), a função de Rosamund parece ser a eterna coadjuvante de um homem.

A exceção a essa regra é, sem dúvida, o aclamado Gone Girl, do diretor David Fincher. Apesar de fazer o par romântico de um ator olimpiano como Ben Affleck, é a atriz quem rouba toda a atenção na pele da inteligente e independente Amy Dunne. Sem nunca sabermos suas reais intenções, ela nos conduz com um charme misterioso.

Para interpretar essa personagem, Fincher pediu para Rosamund estudar os trejeitos de Carolyn Bessette Kennedy, esposa de Jonh F. Kennedy Jr. Ela tinha um certo olhar distante que seria perfeito para o papel. Após encontro de 4 horas com o cineasta em St. Louis, a atriz britânica iniciou uma jornada compulsiva atrás de gravações e capas de revista que retratavam a mulher do filho do presidente Kennedy.

Rosamund Pike convive com artistas desde que era pequena. Seus pais, o cantor de ópera Julian Pike e a violinista Caroline Friend, sempre estiveram presentes na sua vida. Eles inclusive levavam a filha junto com eles para apresentações por toda Europa. Como resultado, Rosamund aprendeu a falar francês e alemão.

Segundo entrevista concedida pela atriz à revista Vanity Fair em 2015, “Parte da beleza da atuação é a energia que você sente na pessoa logo após uma performance. Quando você cresce com artistas, você nota isso”.

Ela estudou Literatura Inglesa na Wadham College, Universidade de Oxford, enquanto dirigia e atuava em peças de teatro. Seu primeiro papel audiovisual foi em “A Rather English Marriage” (1998), um filme para TV.

Em um dos seus trabalhos mais recentes, “Um Reino Unido”, de 2016, ela retorna mais uma vez à sua função de esposa. Mas, assim como ocorreu em “Gone Girl”, exibe força extraordinária. Interpreta uma destemida mulher britânica que casa com Seretse Khama, o Rei da Botswana, colocando o reino deste homem no caos.

Studio na Colab55
Eric P. Sukys
Eric P. Sukys

Eric P. Sukys é jornalista e se entregou à sétima arte após crises existenciais. Atualmente, sua dieta básica consiste na Era de Ouro de Hollywood, Nouvelle Vague, filmes trash e cinema independente.

Veja todos os posts de Eric P. Sukys
Comentários
Follow my blog with Bloglovin