Salada de Cinema

Notícias, entrevistas, perfis e muito mais de tudo que acontece no mundo do cinema.

Salada de Cinema
Prepare-se

Mundo Zumbi | Guerra Mundial Z

por Paula Lopes comentários
Salada de Cinema

Para quem gosta da temática de zumbis, acredito ser muito óbvio dizer que se os zumbis de “Guerra Mundial Z” invadissem o planeta, estaríamos todos perdidos! Geralmente, os zumbis apresentados nos filmes e séries, apesar de estarem em grandes quantidades, são lentos e desengonçados. Os do filme de Marc Foster, baseado no romance de Max Brooks, não: eles são rápidos, sagazes e destroem tudo e todos como milhares de formigas saindo de um formigueiro.

Em, “Guerra Mundial Z”, lançado em 2013, uma misteriosa doença se alastra rapidamente pelo mundo, transformando as pessoas em uma espécie de zumbis e fazendo com que todos fujam e se escondam deste terrível inimigo. Neste cenário, Gerry Lane (Brad Pitt), um ex-investigador da ONU, é recrutado para investigar o que pode estar acontecendo e tentar achar uma cura para salvar a humanidade.

Gerry passa a percorrer o caminho inverso da contaminação, tentando entender as causas ou, ao menos, identificar uma maneira de conter o contágio antes que toda a população seja transformada em zumbi. As dificuldades para seguir o seu caminho são muitas, uma vez que cada vez menos pessoas restam na Terra para ajudá-lo e que a preocupação com suas filhas e mulher, deixadas nos Estados Unidos, são constantes. “Guerra Mundial Z”, no fim das contas, trata-se da jornada de um verdadeiro herói.

Uma das coisas que mais gosto no filme é o diálogo que Gerry tem um infectologista, que diz: “A Mãe Natureza é um serial killer. O mais criativo. Mas, como qualquer serial killer, não pode reprimir o desejo de ser pego. Por que fazer o crime perfeito, se você não pode ter o seu mérito? Portanto, deixa migalhas para trás”. Esta foi uma dica muito utilizada por Gerry para que ele conseguisse seguir o seu caminho. Afinal, era preciso observar as migalhas para entender a misteriosa doença que transformava todos – ou quase todos – em zumbis.

“Guerra Mundial Z” é um filme extremamente bem produzido, com efeitos especiais e maquiagens perfeitos para dar a impressão de uma verdadeira destruição zumbi no planeta Terra. Além disso, por trazer zumbis tão diferentes do comum – tão sagazes – e por se tratar de uma verdadeira pandemia, o longa, muitas vezes, torna-se mais assustador do que um filme de zumbis, que trazem a temática até mesmo de forma cômica, como é o caso de “Zumbilândia” ou “Todo Mundo Muito Morto”.

Entretanto, apesar de o filme parecer ser encerrado e os zumbis exterminados, em certo ponto Gerry avisa: “Este não é o fim, não estamos nem perto”. Pois é, parece que os zumbis mais rápidos do cinema vão aparecer por aí novamente…

Studio na Colab55
Paula Lopes
Paula Lopes

Manteiga derretida incurável, ainda acredita nos Jeff Daniels que saem das telas para as Cecílias da vida real.

Veja todos os posts de Paula Lopes
Comentários
Follow my blog with Bloglovin