Salada de Cinema

Publicidade
Salada de Cinema/Perfil

Peter Jackson

Publicado em 11/03/2012 / Por: André Sobreiro

Vamos falar de hobbits. Ou melhor de um dos “maiores” hobbits de todos os tempos (além de Martin Scorsese, claro!). Aliás, ele é um dos grandes responsáveis pela popularização desses pequenos seres da Terra Média. Mas antes disso, vamos aos primórdios da carreira do neo zelandês Peter Jackson.

Sua carreira como diretor começa de maneira bastante esparsa. Apesar de ter lançado o curta The Valley em 1976, até o ano de 1994 foram apenas 5 filmes. Nesse ano, aliás, ele lançou Almas Gêmeas, drama com Kate Winslet no elenco.

Depois disso vieram Forgotten Silver (para a TV) e Os Espíritos, até chegarmos ao grande ponto de virada. Em 2001, Peter Jackson lançou a primeira parte da trilogia O Senhor dos Anéis, A Sociedade do Anel. O filme surpreendeu o mundo por se aventurar a adaptar a obra maior de Tolkien e ainda por levar todo o elenco para a Nova Zelândia e filmar os três filmes na sequencia. Nos dois anos seguintes saíram As Duas Torres e o Retorno do Rei. O filmes renderam três indicações de melhor filme e, o Retorno do Rei levou por filme, roteiro e direção. Todas para Peter Jackson.

Após o estrondoso sucesso, Jackson fez a refilmagem de King Kong, o fraco Um Olhar no Paraíso, além de alguns curtas. Atualmente, Jackson se envolve em dois projetos. O primeiro foi As Aventuras de Tintin, que foi produtor para a direção de Spielberg. Além disso, ainda volta para a Terra Média, com as filmagens de O Hobbit, que sai dividido esse ano e em 2013. O Hobbit está de volta!




Compartilhe
Comentários